Túmulo de Maria do Carmo

Maria do Carmo viveu em São Borja no século 19 e ficou conhecida por sua generosidade e beleza. De acordo com a cultura popular, ela foi morta por um ex-namorado o qual ela tinha rejeitado. O crime foi algo brutal e o assassinato dela causou revolta na população e muitas pessoas, na maioria mulheres, que passaram a visitar o local onde a tragédia ocorreu. A devoção à Santa profana aumentou e nos anos 1940, o Coronel Serafim Dornelles Vargas, então comandante do 2º Regimento de Cavalaria Mecanizada, ordenou que fosse construído um túmulo de alvenaria no espaço que, até hoje, recebe romarias de devotos e fiéis.

Foto: Ricardo Dutra Fraga


Em agosto de 2018 uma estátua em homenagem à santa popular foi instalada próxima à sepultura. O monumento foi desenvolvido pelos artistas Rossini Rodrigues, Magal e Júlio Aquino a partir do trabalho de investigação histórica desenvolvido pelo pesquisador Clóvis Benevenuto.

Foto: Site Prefeitura de São Borja/Reprodução



Localização:

FONTES:



19 visualizações
  • Ícone do Facebook Cinza

© 2020 por  REVISTA SÃO BORJA